Definição das fases de construção em termos de modelação

Artigo técnico sobre o tema análise estrutural e utilização do software Dlubal

  • Base de dados de conhecimento

Artigo técnico

Este artigo foi traduzido pelo Google Tradutor

Ver texto original

O módulo Análise das fases de construção (CSA) permite o dimensionamento de estruturas de barras, superfícies e sólidos no RFEM 6, considerando as fases de construção específicas associadas ao processo de construção. Isto é importante porque os edifícios não são construídos de uma só vez, mas sim através da combinação gradual das partes estruturais individuais. As etapas individuais nas quais os elementos estruturais, assim como as cargas, são adicionados ao edifício, são designadas por fases de construção, enquanto o processo em si é designado por processo de construção. Assim, o estado final da estrutura fica disponível após a conclusão do processo de construção; ou seja, todas as fases de construção. Para determinadas estruturas, a influência do processo de construção (ou seja, todas as fases de construção individuais) pode ser significativa e deve ser considerada para evitar erros no cálculo. Uma visão geral do módulo CSA é fornecida no artigo da base de dados de conhecimento intitulado "Consideração das fases de construção no RFEM 6" .

Uma vez que estão assossiadas diferentes partes estruturais com as fases de construção individuais, o peso próprio desses elementos que estão ativos na fase em específico deve ser considerado. Se toda a estrutura ou as suas partes estão sujeitas a cargas adicionais relacionadas com as condições ambientais ou o método de construção, isso também deve ser considerado. Assim, para definir as fases de construção, é necessário incluir, por um lado, as alterações introduzidas no modelo e, por outro lado, o carregamento. Este artigo irá focar no primeiro, enquanto o último será o tópico de um próximo artigo da base de dados de conhecimento.

Um exemplo prático

A estrutura tomada como exemplo neste artigo tem 21 pisos e cada piso é adicionado numa fase de construção separada, perfazendo assim 21 fases consecutivas no total. Os elementos estruturais adicionados a uma fase individual são: lajes de betão com uma espessura de 20 cm, um núcleo de corte com paredes de 40 cm e um pilar com uma secção de 20x20 cm. A altura do piso é de 3 m. Se realizar o cálculo de EF nesta estrutura como um modelo completo (ou seja, sem considerar as fases de construção individuais), obterá resultados para as forças internas e as deformações como apresentado nas imagens 1 e 2, respetivamente.

O que se pode notar em termos de deformações é que as lajes estão penduradas no núcleo interior. Em termos de forças internas, os momentos em torno do apoio estão a aumentar, enquanto os momentos no campo diminuem do primeiro ao último piso. Isto deve-se às diferentes distribuições de rigidez da estrutura e ao facto de as lajes estarem penduradas no núcleo. Na realidade, a estrutura não é construída de uma só vez; ou seja, o peso é aplicado gradualmente e os resultados em termos de deformações e esforços internos diferem dos apresentados nas imagens acima mencionadas. Para ter isso em consideração, deve definir as fases de construção individuais que representam o processo de construção.

Em primeiro lugar, deve ativar o módulo Análise das fases de construção (CSA) nos Dados de base do modelo (Figura 3). As fases de construção são então incluídas nos dados do navegador. Também é possível definir fases através da barra de menu (Inserir → Fases de construção).

De facto, para definir uma nova fase de construção no RFEM 6, deve definir as alterações a serem introduzidas em relação à fase anteriormente definida. Estas alterações podem ser associadas a barras, superfícies, sólidos, apoios de linha, apoios de nó, articulações de linha, juntas soldadas de linha, contactos de superfície ou ligações rígidas. As que são relevantes para a fase de construção de interesse devem ser selecionadas no separador Principal da caixa de diálogo Fases de construção. Por exemplo, para definir a primeira fase do processo de construção para a estrutura neste exemplo, deve considerar barras e superfícies, bem como apoios nodais e de linha (Figura 4).

Ao fazê-lo, poderá adicionar ou desativar elementos para as fases de construção específicas. Pode fazê-lo selecionando os elementos de interesse nos gráficos ou escrevendo o seu número no campo de entrada (Figura 5).

Ao definir as fases de construção seguintes (por exemplo, CS2), os elementos selecionados são adicionados aos selecionados nas fases anteriores (ou seja, CS1). Assim, todos eles estão ativos no atual estágio, conforme mostra a Figura 6.

É importante observar que um elemento não pode ser adicionado em várias fases. Para ser mais específico, os elementos que adicionou a uma fase não podem ser adicionados a outra. Por exemplo, a superfície n.º 11 foi adicionada na segunda fase (ver Figura 6) e, portanto, não pode ser selecionada na (terceira) fase seguinte (Figura 7).

Uma vez definidas as fases de construção do lado do modelo, é importante considerar os diferentes carregamentos associados a cada fase. Isso será discutido em um próximo artigo da base de dados de conhecimento.

Autor

Irena Kirova, M.Sc.

Irena Kirova, M.Sc.

Marketing e apoio ao cliente

A Eng.ª Kirova é responsável pela criação de artigos técnicos e presta apoio técnico aos clientes da Dlubal.

Palavras-chave

Processo de construção Análise das fases de construção

Ligações

Escreva um comentário...

Escreva um comentário...

  • Visualizações 665x
  • Atualizado 17 de junho de 2022

Contacto

Contactar a Dlubal

Tem alguma outra questão ou necessita de aconselhamento? Contacte-nos através de telefone, e-mail, chat ou fórum, ou pesquise na página de FAQ, disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana.

+49 9673 9203 0

(falamos português)

[email protected]

Formação online | Inglês

Eurocódigo 5 | Estruturas de madeira segundo a DIN EN 1995-1-1

Formação online 8 de dezembro de 2022 9:00 - 13:00 CET

Formação online | Inglês

RFEM 6 | Estudantes | Introdução ao dimensionamento de betão armado

Formação online 12 de dezembro de 2022 16:00 - 17:00 CET

Análise de tensões de superfícies e barras no RFEM 6

Análise de tensões de superfícies e barras no RFEM 6

Webinar 15 de dezembro de 2022 14:00 - 15:00 CET

Novas funções no RFEM 6 e RSTAB 9

Novas funções no RFEM 6 e no RSTAB 9

Webinar 21 de dezembro de 2022 14:00 - 15:00 CET

Formação online | Inglês

RFEM 6 | Noções básicas

Formação online 19 de janeiro de 2023 9:00 - 13:00 CET

Modelação e dimensionamento de painéis CLT no RFEM 6

Modelação e dimensionamento de painéis CLT no RFEM 6

Webinar 19 de janeiro de 2023 14:00 - 15:00 CET

Formação online | Inglês

Eurocódigo 2 | Estruturas de betão segundo a DIN EN 1992-1-1

Formação online 26 de janeiro de 2023 9:00 - 13:00 CET

Formação online | Inglês

Eurocódigo 3 | Estruturas de aço segundo a DIN EN 1993-1-1

Formação online 2 de março de 2023 9:00 - 13:00 CET

Formação online | Inglês

Eurocódigo 5 | Estruturas de madeira segundo a DIN EN 1995-1-1

Formação online 16 de março de 2023 9:00 - 13:00 CET

Formação online | Inglês

RFEM 6 | Análise dinâmica e dimensionamento de sismos segundo o EC 8

Formação online 30 de março de 2023 9:00 - 13:00 CEST

Análise geotécnica com fases de construção no RFEM 6

Análise geotécnica com fases de construção no RFEM 6

Webinar 1 de dezembro de 2022 14:00 - 15:00 CET

Formação online | Inglês

RFEM 6 | Estudantes | Introdução ao dimensionamento de madeira

Formação online 25 de novembro de 2022 16:00 - 17:00 CET

Formação online | Inglês

RFEM 6 | Análise dinâmica e dimensionamento de sismos segundo o EC 8

Formação online 23 de novembro de 2022 9:00 - 13:00 CET

Formação online | Inglês

RFEM 6 | Estudantes | Introdução ao dimensionamento de betão armado

Formação online 21 de novembro de 2022 16:00 - 17:00 CET

Formação online | Inglês

Eurocódigo 3 | Estruturas de aço segundo a DIN EN 1993-1-1

Formação online 17 de novembro de 2022 9:00 - 13:00 CET

Apresentação resumida das interfaces com o RFEM 6: Archicad e SAF

Apresentação resumida das interfaces com o RFEM 6: Archicad e SAF

Webinar 16 de novembro de 2022 14:00 - 15:00 CET

RFEM 6
Pavilhão em arco

Programa principal

O programa de análise estrutural RFEM 6 é a base de um sistema de software modular. O programa principal RFEM 5 é utilizado para definir estruturas, materiais e ações para sistemas estruturais planos e espaciais constituídos por lajes, paredes, cascas e barras. O programa também pode dimensionar estruturas combinadas, bem como elementos sólidos e de contacto.

Preço de primeira licença
4.450,00 EUR
RFEM 6
RF-STAGES (em inglês)

Análises adicionais

O módulo Análise das fases de construção (CSA) permite considerar o processo de construção de estruturas (estruturas de barras, superfícies e sólidos) no RFEM.

Preço de primeira licença
1.650,00 EUR