Ponte suspensa "Walsersteg" sobre o rio Loisach, Alemanha

Projeto de cliente da Dlubal

Planeamento estrutural Gabinete de engenharia Robert Buxbaum
Wolfratshausen, Alemanha
www.ib-buxbaum.de
Construção Schaffitzel Holzindustrie GmbH + Co. KG
Schwäbisch Hall, Alemanha

Schaffitzel + Miebach GmbH
Lohmar, Alemanha

Stahl- und Maschinenbau Graf GmbH
Weinböhla, Alemanha

Krämmel GmbH & Co. KG
Wolfratshausen, Alemanha

Maurer Söhne GmbH & Co. KG
Munique, Alemanha
Investidor Câmara de Wolfratshausen, Alemanha
www.wolfratshausen.de

Comprimento: ~ 61 m | Largura: ~ 6 m | Altura: ~ 16 m; Efeitos não-lineares: cabos
Nós: 40 | Barras: 28 | Materiais: 3 | Secções: 7

Em outubro de 2013, foi construída sobre o rio Loisach a ponte "Walsersteg". A ponte, destinada a peões e ciclistas, está localizada na cidade Wolfratshausen, no sul da Alemanha. Com esta obra, ficam ligados os caminhos já existentes ao longo de ambas as margens do rio.

Os vãos da ponte sobre o rio não têm pilares, sendo o tabuleiro apoiado por tirantes. A estrutura tem uma largura de 3 m e um comprimento de vão de 46 m.

Estrutura

Para a viga do tabuleiro da ponte atirantada, foram utilizados 60 m3 de madeira laminada colada de abeto para a produção de um bloco com as dimensões largura x altura = 280 x 44 cm.

A viga do tabuleiro tem uma contra-flecha de aproximadamente 40 cm e está sudividida em três vãos, com os respetivos comprimentos de 16 m (x2) e 14 m (x1). As juntas foram dimensionadas como juntas completas e foram implementadas através de vigas de distribuição de perfil em H soldado (h/b/t/s = 400/500/40/40 mm) da classe de aço S 355, em cujas cavidades entre as almas, as vigas de bloco foram encaixadas.

As extremidades de ambas as vigas de distribuição estão atirantadas com cabos (d = 40 mm) ao topo da torre. A superestrutura é retida nas margens do rio através de dois cabos de ancoração com diâmetro de 60 mm, que estão ancorados na subestrutura já debaixo do solo. A força máxima nos cabos para o estado limite último ronda os 1700 kN (força de cálculo). No total foram utilizados ca. de 130 m de cabos de aço completamente fechados para espiar e ancorar o mecanismo.

A torre em forma de A tem ca. de 15 m de altura e é constituída por tubos de aço 355 x 25 mm da classe de aço S 355. A estrutura da torre, com a exceção de duas ligações com cobre-junta, foi toda ela soldada. O esforço axial máximo na secção circular é de aprox. 1800 kN para o estado limite último.

Programas utilizados para análise estrutural

Contacto

Contacto da Dlubal

Tem alguma questão ou necessita de ajuda? Então entre em contacto connosco ou consulte as perguntas mais frequentes (FAQ).

+49 9673 9203 0

(falamos português)

info@dlubal.com