Programa de estruturas reticuladas e pórticos RSTAB 9 | Novas funções

RSTAB - O programa mais recente de estruturas reticuladas e pórticos para engenheiros exigentes

O RSTAB é um programa de análise estrutural adequado para o cálculo de estruturas de barras e pórticos 2D e 3D em aço, betão, madeira, alumínio e outros materiais.

O RSTAB permite ao utilizador definir um modelo estrutural de forma simples e rápida, calculando em seguida os esforços internos, as deformações e as reações de apoio. Para o dimensionamento estão disponíveis módulos que consideram os requisitos específicos de materiais e normas.

  • RSTAB 9 para pórticos e treliças

Novas funções e ferramentas para um trabalho eficaz

Software realmente bom

"Aproveito para agradecer a si e à sua equipa por um software realmente excelente. Após tantos anos a utilizar o vosso software, continuamos a ver todos os dias o que o vosso produto é capaz de fazer e gostamos muito da aplicação!

Estamos ansiosos por mais anos juntos!"

Modelos estruturais gratuitos para download

Ir para os modelos

Pode selecionar de entre uma vasta gama de modelos e utilizá-los para fins de aprendizagem ou para os seus próprios projetos.

No RSTAB 9, foram implementadas inúmeras funções novas que tornam o trabalho diário com o software de cálculo estrutural mais fácil e eficaz. Nesta página, apresentamos uma seleção de novas funções.

1

Integração de todos os módulos

Todos os módulos são integrados automaticamente nos programas RFEM 6 ou RSTAB 9. Isto permite a interação das diferentes partes do programa (por exemplo, determinação do momento derrubante ideal de vigas de madeira utilizando o módulo "Torção com empenamento [7 GDL]" ou consideração de processos de determinação de forma escalonados através do módulo "Análise das fases de construção [CSA]" etc.).

2

Saída de fórmulas de verificação

Para dimensionamentos em estruturas de betão armado, aço, madeira, alumínio etc., são apresentadas em detalhe as fórmulas de verificação utilizadas (incluindo uma referência à equação utilizada da norma). Estas fórmulas de verificação também podem ser incluídas no relatório de impressão.
3

Representantes de barras e conjuntos de barras

Para barras e conjuntos de barras com propriedades idênticas, é possível definir representantes para a organização do modelo, o dimensionamento e a documentação.

Os resultados das representantes podem ser apresentados nas tabelas de resultados.

4

Tensões específicas de secções

Para secções de barra, as tensões de secções (relativas a N = 1 kN, My = 1 kNm etc.) podem ser apresentadas para permitir estimar a sua resistência.

5

Casos de imperfeição

Os casos de imperfeição são utilizados para organizar as imperfeições. Os casos permitem uma descrição de imperfeições a partir de imperfeições locais, cargas teóricas do caso de carga, deslocamentos laterais iniciais pela tabela (nova), uma deformação estática, um modo de encurvadura, um modo próprio dinâmico ou uma combinação de todos estes tipos (novo).

6

Situações de dimensionamento

As situações de dimensionamento servem para recolher as situações de carga relevantes para o dimensionamento. Por exemplo, pode definir uma situação de dimensionamento para o dimensionamento de diferentes materiais.

7

Extensão dos assistentes de carga de neve e vento

As seguintes funções foram adicionadas aos assistentes de carga de neve e vento:

  • Carregamento de modelos híbridos de barras e superfícies (apenas RFEM)
  • Ligação à ferramenta Geo-Zone Tool (dependendo da definição global do local de construção)
  • Desativação dos lados da superfície
8

Sistema de licenciamento online moderno

O sistema de licenciamento online moderno permite a distribuição das licenças RFEM, RSTAB etc. em todo o mundo e a atribuição aos respetivos utilizadores através da conta Dlubal.


9

Gestor de scripts

O gestor de scripts permite controlar todos os elementos de entrada utilizando o JavaScript através da consola ou dos scripts guardados.

10

Relatório de impressão melhorado

O relatório de impressão foi revisto aprofundadamente. Entre outras coisas, foi otimizado o seguinte:

  • Criação rápida devido ao ambiente de relatório de impressão não modal (possibilidade de trabalhar em paralelo no programa e relatório)
  • Modificação interativa de capítulos, bem como criação de novos capítulos definidos pelo utilizador
  • Importação de PDF, fórmulas, gráficos 3D etc.
  • Saída das fórmulas de verificação utilizadas no dimensionamento (incluindo uma referência à equação utilizada da norma)
  • Relatório de impressão com design moderno
11

Cálculo mais rápido

Para modelos onde têm de ser calculadas muitas combinações de carga, vários solucionadores (um por núcleo) são iniciados em paralelo. Cada solucionador calcula uma combinação de cargas. Isto resulta numa melhor utilização dos núcleos, ou seja, em cálculos mais rápidos.

12

Janela de diagrama de resultados melhorada

Estas funções foram adicionados à janela do diagrama de resultados:

  • Possibilidade de trabalhar em paralelo na janela de diagrama de resultados e no modelo
  • Apresentação sobreposta de resultados opcional (por exemplo, vários componentes semelhantes numa imagem)

13

Serviço web e API

Com os novos Serviços web de tecnologia API, é possível criar as suas próprias aplicações de ambiente de trabalho ou baseadas na web através do controlo de todos os objetos incluídos no RFEM 6/RSTAB 9. Ao fornecer bibliotecas e funções, pode desenvolver as suas próprias verificações, modelações eficazes de estruturas paramétricas, assim como processos de otimização e automatização utilizando as linguagens de programação Python e C#.

14

Extensão da interface IFC para um processo Open BIM melhorado

Além da importação da IFC 2x3 (vista de coordenação e vista de análise estrutural), agora também é possível importar e exportar a IFC 4 (vista de referência e vista de análise estrutural).

15

Simulação de vento (ambiente RFEM ou RSTAB)

As seguintes funções foram adicionadas ao RFEM e ao RSTAB para determinar as cargas de vento com o RWIND:

  • Assistentes de cargas para gerar casos de carga de vento com diversos campos de fluxo nas diferentes direções do vento
  • Casos de carga de vento com configurações de análise livremente atribuíveis, incluindo uma especificação definida pelo utilizador do tamanho do túnel de vento e do perfil de vento
  • Visualização do túnel de vento com o perfil de entrada do vento e o perfil de entrada da intensidade de turbulência do vento
  • Visualização e utilização dos resultados da simulação do RWIND
  • Definição global de um terreno (planos horizontais, plano inclinado, tabela)
16

Importação do local de construção para determinação de cargas

O local da construção pode ser especificado num mapa digital. Além dos dados do endereço (incl. altitude), são importados automaticamente o mapa de carga de neve, a velocidade de vento e a carga sísmica. Estes dados, por sua vez, são utilizados pelos assistentes de carga.

Além disso, o mapa é apresentado com o local de construção assinalado no separador "Parâmetros do modelo".


17

Definição de teclas de atalho

É possível atribuir teclas de atalho a diversos comandos. Desta forma, os comandos utilizados frequentemente podem ser executados de forma rápida e fácil mediante a combinação de teclas atribuída anteriormente.

A propósito, isto também funciona com o rato do seu computador. Se o rato tiver botões extra para além dos botões da esquerda, da direita e do meio, pode definir atalhos nesses botões.

18

Atribuição de cargas a um novo caso de carga

Para cargas de barra, cargas de superfície etc., é possível mover retroativamente as cargas para outro caso de carga.
19

Cargas de massa

O tipo de carga "Massa" foi adicionado ao catálogo de cargas.
20

Caixa de recorte

Além do plano de recorte, pode definir uma caixa de recorte para ocultar objetos irrelevantes em torno de um ponto focal.
21

Especificação dos tipos de elementos

A entrada é simplificada através da especificação dos tipos de elementos para barras, superfícies, sólidos etc. (por exemplo, não linearidades de barra, rigidez de barra, apoios de dimensionamento e muitos outros).

22

Dlubal Center

Entre outras coisas, o Dlubal Center efetua a gestão de projetos e ficheiros de modelos num local central. As informações detalhadas e os gráficos facilitam a atribuição de todos os modelos para um processamento rápido dos pedidos. Além disso, os dados de clientes, incluindo programas licenciados e módulos etc. são organizados no Dlubal Center.

23

Gestão global de todos os módulos

Os módulos estão todos integrados diretamente no programa e, tal como as normas de dimensionamento para os respetivos materiais, são geridos de forma centralizada.

24

Parâmetros globais do modelo

Todos os parâmetro globais do modelo podem ser definidos. E também podem ser utilizados na documentação.

25

Navegador de dados estruturado

O Navegador de dados está estruturado de forma clara e contém tipos atribuíveis a objetos, incluindo uma função de hiperligação para saltar rapidamente para os elementos atribuídos de um objeto.

26

Estatísticas para as secções

Para todas as secções utilizadas, são apresentadas informações estatísticas, tais como comprimento total, volume total, peso total etc.

27

Novos tipos de distribuição de secções para barras

Estão disponíveis sete novos tipos de distribuição de secções para barras (incluindo a função de disposição para o alinhamento sobre uma borda reta):

  • Secção variável em ambos os lados
  • Secção variável no início da barra
  • Secção variável no final da barra
  • Sela
  • Desvia em ambos os lados
  • Desvio no início da barra
  • Desvio no final da barra
28

Biblioteca de secções com pesquisa de texto curto

Foi adicionada uma pesquisa de texto curto à biblioteca de secções para encontrar mais rapidamente a secção ou série de secções que procura.

29

Objeto de modificação de estrutura

Com o novo objeto de modificação de estrutura, é possível alterar ou desativar rigidezes, não linearidades e objetos de forma clara e consoante o caso de carga.
30

Combinações de resultados utilizando termos entre parênteses

Ao criar combinações de resultados, agora também é possível utilizar termos entre parênteses.
31

Parâmetros de cálculo globais individuais para casos de carga e combinações de carga

Os casos de carga e as combinações de carga podem agora ser fornecidos com parâmetros de cálculo globais individuais utilizando os novos parâmetros de análise estática.
32

Assistente de combinações com base na geração automática ou semiautomática de acordo com as normas

Os novos assistentes de combinações preenchem as situações de dimensionamento com combinações de cargas ou resultados com base numa geração automática ou semiautomática de acordo com as normas.
33

Assistente de cargas melhorado

Foram adicionadas ao assistente de carga novas funções para bloquear novas barras, suavizar cargas concentradas que ocorrem e considerar excentricidades e distribuições de secções.
34

Determinação de cargas de barra a partir de cargas de superfície mediante especificação de células e superfícies

No assistente de carga, agora é possível determinar cargas de barra a partir de cargas de superfície especificando superfícies (utilizando nós de canto) e células numa definição.
35

Organização global de sistemas de coordenadas definidos pelo utilizador

Os sistemas de coordenadas definidos pelo utilizador para efeitos de entrada e análise estão agora organizados globalmente nos objetos auxiliares.
36

Organização de diferentes ajustes de objeto

Agora, pode definir vários ajustes de objeto para diferentes tarefas de funcionamento.
37

Seleção de objeto como novo objeto auxiliar

O novo objeto auxiliar "Seleção de objeto" permite uma filtragem genérica de:
  • Objetos básicos
  • Tipos para nós
  • Tipos para linhas
  • Tipos para superfícies
  • Assistentes de cargas
  • Cargas
  • Objetos auxiliares
A seleção de objetos oferece muitas possibilidades de aplicação interativa em diversos locais do programa.
38

Descrição de referência tabular para linhas de dimensão

As descrições de referência das linhas de dimensão incrementais são agora fornecidas em forma de tabela para uma melhor visão geral.
39

Implementação do formato SAF

O novo formato de ficheiro para o planeamento estrutural Structural Analysis Format (SAF) agora também é suportado. Os programas RFEM 6 RSTAB 9 possibilitam tanto a importação como a exportação. O SAF é um formato de ficheiro baseado no MS Excel, destinado a facilitar a troca de modelos estruturais entre diferentes aplicações de software.

40

Cubo de vistas

O novo Cubo de vistas no gráfico oferece uma seleção intuitiva da correta projeção do modelo.

41

Controlo de unidades organizado em tabelas

Agora é possível alterar determinadas unidades numa interface de utilizador organizada em tabelas.
42

Novos formatos de ficheiros para exportação

É possível exportar modelos do RFEM e RSTAB em XML, SAF e VTK (resultados do RWIND).
43

Nova especificação de eixo local para barras

Para a região anglo-americana, foi adicionada uma nova especificação de eixo local (y para cima).
44

Nova opção de impressão gráfica com pré-visualização da imagem

A nova caixa de diálogo da impressão gráfica inclui agora:
  • uma função de impressão em série controlada através da biblioteca para todos os gráficos do programa,
  • uma seleção de área de impressão definida pelo utilizador,
  • uma função 3D para funcionalidades 3D posteriores no PDF final,
  • uma separação automática de imagens para impressões à escala e uma função para exibir uma visão geral da imagem.
45

Gerar listas de peças

Agora é possível gerar listas de peças baseadas no material e nas secções.
46

Utilização de ficheiros de registo

A nova geração de programas RFEM 6 e RSTAB 9 permite enviar ficheiros de registo para a nossa empresa através do registo online. Isto permite-nos analisar e melhorar os nossos programas para as suas aplicações. Por defeito, esta configuração está ativada nas opções do programa. Pode desativar o seu consentimento a qualquer momento nos programas.

47

Caixa de listagem para uma estrutura de tabela interativa e organizada

As tabelas estão agora organizadas em duas caixas de listagem, o que permite navegar facilmente pelas várias tabelas de entrada e de resultados.
48

Gestor de tabelas de resultados

Para uma melhor visualização dos resultados, as colunas e linhas apresentadas podem ser reduzidas utilizando o novo gestor de tabelas de resultados.
49

Controlo do tipo de material

O tipo de material de um determinado material define claramente as propriedades relevantes para o dimensionamento.
50

Vista geral da biblioteca de materiais melhorada

A biblioteca de materiais agora inclui séries de materiais. Também é possível encontrar o material desejado diretamente na biblioteca utilizando a pesquisa de texto livre.

Vantagens

rstab

  • Modelação rápida graças a uma tecnologia de entrada sofisticada
  • Um programa para todos os tipos de estruturas, desde vigas de vão único a complexas estruturas de vigas 3D
  • Cálculo rápido utilizando a tecnologia de multiprocessadores
  • Apoio de normas nacionais e internacionais
  • Geração rápida de um relatório de impressão com aspeto profissional
  • Geração automática de cargas de vento utilizando a simulação de vento CFD integrada (requer RWIND)
  • API através de serviço web
  • Programa reconhecido mundialmente com mais de 100 000 utilizadores
  • Apoio ao cliente profissional prestado por mais de 20 engenheiros de apoio

Manuais para o RSTAB 9

Manuais

Preço

Preço
2.850,00 EUR

Os preços são válidos para a utilização do software em todos os países.

Formação online | Inglês

Eurocódigo 5 | Estruturas de madeira segundo a DIN EN 1995-1-1

Formação online 8 de dezembro de 2022 9:00 - 13:00 CET

Formação online | Inglês

Eurocódigo 3 | Estruturas de aço segundo a DIN EN 1993-1-1

Formação online 17 de novembro de 2022 9:00 - 13:00 CET

Interfaces com o RFEM 6: Serviço web e Rhino/Grasshopper

Resumo das interfaces com o RFEM 6: Serviço web e Rhino/Grasshopper

Webinar 10 de novembro de 2022 14:00 - 15:00 CET

Resumo das interfaces com o RFEM 6: DXF, IFC, Autodesk Revit

Resumo das interfaces com o RFEM 6: DXF, IFC, Autodesk Revit

Webinar 3 de novembro de 2022 14:00 - 15:00 CET

Dimensionamento sísmico segundo o Eurocódigo 8 no RFEM 6 e RSTAB 9

Dimensionamento sísmico segundo o Eurocódigo 8 no RFEM 6 e RSTAB 9

Webinar 11 de outubro de 2022 14:00 - 15:00 CEST

Formação online | Inglês

Eurocódigo 5 | Estruturas de madeira segundo a DIN EN 1995-1-1

Formação online 15 de setembro de 2022 9:00 - 13:00 CEST

Formação online | Inglês

Eurocódigo 3 | Estruturas de aço segundo a DIN EN 1993-1-1

Formação online 8 de setembro de 2022 9:00 - 13:00 CEST

Formação online | Inglês

Eurocódigo 5 | Estruturas de madeira segundo a DIN EN 1995-1-1

Formação online 15 de junho de 2022 8:30 - 12:30 CEST

Formação online | Inglês

Eurocódigo 3 | Estruturas de aço segundo a DIN EN 1993-1-1

Formação online 27 de abril de 2022 8:30 - 12:30 CEST

Serviço web e API no RFEM 6

Serviço web e API no RFEM 6

Webinar 20 de abril de 2022 14:00 - 15:00 CEST

RSTAB 9
Modelo 3D da escola profissional no RFEM (© Eggers Tragwerksplanung GmbH)

Soluções especiais

Por um lado, o módulo de duas partes Otimização e custos/estimativa das emissões de CO2 encontra parâmetros adequados para modelos e blocos parametrizados através da técnica de inteligência artificial (IA) de otimização por enxame de partículas (PSO) para cumprir os critérios de otimização comuns. Por outro lado, este módulo estima os custos do modelo ou as emissões de CO2 especificando os custos unitários ou as emissões por definição de material para o modelo estrutural.

Preço de primeira licença
1.650,00 EUR