Módulo adicional RF-/HSS do RFEM/RSTAB

Newsletter

Subscreva e receba as mais recentes novidades, dicas úteis, informação sobre eventos, ofertas especiais e vales pelo menos uma vez por mês.

Capacidade portante de ligações de secções tubulares ocas soldadas segundo a EN 1993-1-8:2005

O módulo adicional RF-/HSS dimensiona e analisa ligações de secções tubulares ocas de diferentes tipos.

É possível dimensionar nós de treliça planos e espaciais, com secções ocas circulares, quadradas ou retangulares.

O RF-HSS realiza as verificações do estado limite de utilização de acordo com o Eurocódigo 3 (EN 1993-1-8:2005).

  1. Funções

    • Integração no RFEM/RSTAB com identificação automática da geometria e importação de esforços internos
    • Opção para definição manual da ligação
    • Biblioteca extensa de perfis ocos para cordas e escoras:
      • secções redondas
      • secções quadradas
      • secções retangulares
    • Classes de aço implementadas: S 235, S 275, S 355, S 420, S 450 e S 460
    • Seleção dos tipos de ligação possíveis de acordo com as especificações da norma:
      • ligação K (lacuna/sobreposição)
      • ligação KK (espacial)
      • ligação N (lacuna/sobreposição)
      • ligação KT (lacuna/sobreposição)
      • ligação DK (lacuna/sobreposição)
      • ligação T (plano)
      • ligação TT (espacial)
      • ligação Y (plano)
      • ligação X (plano)
      • ligação XX (espacial)
    • Seleção dos coeficientes de segurança parciais de acordo com o anexo nacional para a Alemanha, Áustria, República Checa, Eslováquia, Polónia, Eslovénia, Suíça ou Dinamarca
    • Ângulos ajustáveis entre escoras e cordas
    • Rotação opcional da corda em 90° para perfis ocos retangulares
    • Consideração de uma lacuna entre as escoras ou de uma sobreposição das escoras
    • Consideração opcional de uma força nodal adicional
    • Verificação de ligações e determinação do estado limite último para escoras de treliças, esforços axiais e momentos fletores
  2. 2

    Entrada de dados

    Os nós de ligação podem ser selecionados graficamente no modelo RFEM/RSTAB. Ao mesmo tempo, os dados de secção e geometria relevantes são adotados. Em alternativa, os parâmetros da ligação podem ser definidos manualmente. Caso necessário, os perfis podem ser ajustados no manual.

    Também é possível modificar o ângulo pré-definido entre as escoras e as cordas. Para a opção correta da verificação, é de relevância a relação geométrica entre si das escoras. Esta é definida através de lacunas entre escoras ou através da sua sobreposição.

  3. 3-de

    Dimensionamento

    A comprovação das condições geométricas a serem respeitadas, é a base de um dimensionamento com sucesso.

    O RF-/HSS efetua as seguintes verificações durante o dimensionamento:

    • Rotura do banzo da barra de corda devido a esforço normal
    • Rotura de corte da barra de corda devido a esforço normal
    • Rotura da corda devido a esforço normal
    • Punçoamento devido a esforço normal
  4. 4-de

    Resultados

    A verificação contém informação detalhada sobre os esforços internos de cálculo, limites e critérios de cálculo. Verificações que falharam, são destacadas de maneira visível.

    Todos os dados de entrada e resultados fazem também parte do relatório de impressão geral do RFEM/RSTAB. Casos de dimensionamento separados permitem uma examinação flexível de elementos construtivos em grandes sistemas.

Contacto

Contacto da Dlubal

Tem alguma questão sobre os nossos produtos ou necessita de ajuda para a escolha dos produtos para o seu trabalho? Entre em contacto connosco ou consulte as perguntas mais frequentes (FAQ).

+49 9673 9203 0

(falamos português)

info@dlubal.com

Projetos de clientes

customer-projects-de

Projetos interessantes dimensionados com o software da Dlubal.

PREÇO para o RFEM (líquido)

  • RF-HSS 5.xx

    760,00 USD

  • Licença adicional

    342,00 USD

PREÇO para o RSTAB (líquido)

  • HSS 8.xx

    760,00 USD

  • Licença adicional

    342,00 USD