392x
005437
2024-02-06

Programas para estruturas de aço

Quais são os programas e módulos adequados para o cálculo e dimensionamento de estruturas de aço?


Resposta:

Tanto o RFEM como o RSTAB estão disponíveis como soluções: Para ambos os programas, dispõe de inúmeras normas europeias e internacionais, bem como de módulos que podem facilitar o seu trabalho diário com o dimensionamento de estruturas de aço {%>

Programas principais RFEM ou RSTAB

Os programas básicos RFEM ou RSTAB permitem definir o modelo com as suas propriedades e ações. Além de estruturas reticuladas espaciais, tais como pavilhões ou estruturas de andaimes, também é possível modelar estruturas de placas, vigas-parede e cascas com o RFEM. Isto faz do RFEM a opção mais versátil, especialmente se a sua área de aplicação é também ativa em outras áreas, tais como estruturas de betão.

Normas disponíveis

  • EN 1993 (Eurocódigo 3)
  • BS 5950 (Norma Britânica)
  • AISC 360 (norma dos EUA)
  • SIA 263 (norma suíça)
  • IS 800 (Norma Indiana)
  • GB 50017 (Norma chinesa)
  • CSA S16 (Norma Canadiana)
  • AS 4100 (Norma Australiana)
  • NBR 8800 (norma brasileira)
  • SP 16.13330 (Norma Russa)

Módulos para estruturas de aço

Os módulos de dimensionamento complementam a funcionalidade dos programas principais. Com o módulo {%>

Com o módulo {%>

As verificações são possíveis para um grande número de secções padronizadas e parametrizadas. Se utiliza as suas próprias secções, pode defini-las com o programa {%>

Se tiver alguma questão sobre as soluções para o dimensionamento de aço da Dlubal, entre em contacto com a nossa ]]equipa de vendas/vendas/contactar-equipa-de-vendas]] com todo o gosto.


Autor

O Eng. Vogl cria e gere a documentação técnica.