Análise das fases de construção (CSA) para o RFEM 6

Descrição de produto

  • Módulo adicional da categoria "Outros"

Consideração de fases de construção no RFEM

Software realmente bom

"Aproveito para agradecer a si e à sua equipa por um software realmente excelente. Após tantos anos a utilizar o vosso software, continuamos a ver todos os dias o que o vosso produto é capaz de fazer e gostamos muito da aplicação!

Estamos ansiosos por mais anos juntos!"

Newsletter

Receba regularmente informação sobre novidades, dicas úteis, eventos planeados, ofertas especiais e vales.

O módulo Análise das fases de construção (CSA) permite considerar o processo de construção de estruturas (estruturas de barras, superfícies e sólidos) no RFEM.

Negligenciar a influência do processo de construção pode resultar em erros no cálculo de modelos globais. Com o módulo Análise das fases de construção (CSA), é possível analisar essas influências e considerá-las até ao momento do dimensionamento estrutural.


1

Funções

  • Definição simples das fases de construção no modelo RFEM, inclusive visualização
  • Adicionar, remover, modificar e reativar elementos de barra, superfície e sólidos e respetivas propriedades (por exemplo, articulações de barra e de linha, graus de liberdade para apoios etc.)
  • Combinações automáticas e manuais com combinações de cargas nas fases de construção individuais (por exemplo, para considerar cargas de montagem, gruas de montagem etc.)
  • Consideração de efeitos não lineares, tais como barras só com compressão ou apoios não lineares
  • Integração com outros módulos, tais como Comportamento de material não linear, Estabilidade da estrutura, Form-Finding etc.
  • Representação numérica e gráfica dos resultados das fases de construção individuais.
  • Relatório de impressão detalhado com documentação de todos os dados de estrutura e carregamento em cada fase de construção
2

Introdução das fases de construção

Depois de criar a estrutura completa no RFEM, os componentes individuais, assim como os casos de cargas são atribuídos às correspondentes fases de construção. Para cada fase, é possível modificar as definições de articulações de barras e condições de apoio em nós.

Desta maneira, podem ser modeladas alterações do sistema, como ocorrem, por exemplo, em sucessivos rejuntamentos de vigas de pontes ou assentamento de pilares. Os casos de carga criados no RFEM são atribuídos às fases de construção como cargas permanentes ou não permanentes.

Por meio de combinações, as cargas permanentes e não permanentes podem ser sobrepostas em combinações de carga. Desta maneira, é possível determinar os esforços internos máximos de diferentes posições da grua ou de cargas de montagem temporárias disponíveis apenas numa fase de construção.

3

Cálculo

As diferenças geométricas que se geram entre o sistema ideal e o sistema deformado devido à fase de construção anterior são compensadas internamente. A seguinte fase de construção tem como base o sistema tensionado da fase de construção anterior. O cálculo é realizado de forma não linear.

4

Resultados e exportação

Após o cálculo bem-sucedido, os resultados das fases de construção individuais podem ser visualizados em gráficos e tabelas no RFEM. As fases de construção podem ser consideradas nas combinações e também incluídas no dimensionamento.

Contacto

Contactar a Dlubal

Tem alguma questão sobre os nossos produtos ou necessita de ajuda para a escolha dos produtos para o seu trabalho? Nesse caso, entre em contacto com a nossa equipa de apoio técnico gratuita por e-mail, chat ou no fórum, ou então consulte as perguntas mais frequentes (FAQ).

+49 9673 9203 0

(falamos português)

info@dlubal.com

Preço

Preço
1.480,00 USD

O preço é válido para Estados Unidos.